Como imigrar para o Canadá em 2017?

Como imigrar para o Canadá em 2017?

Como imigrar para o Canadá em 2017?

Com tantos problemas no Brasil, a onda de brasileiros buscando oportunidades em outros países só tem crescido. Em 2015 o governo do Canadá inaugurou um novo sistema de imigração, o Express Entry que desburocratizou bastante o processo e o tornou mais rápido.

Antigamente para imigrar para o Canadá costumava levar até 3 anos. Hoje em dia o prazo médio de todos os tramites é de 12 meses.

No primeiro ano dessa mudança o país já convidou mais de 31 mil pessoas para mudaram para o Canadá e a tendência é só aumentar esse número. Atualmente o Canadá é um dos que mais aceita imigrantes de todo o mundo. Sua economia estável e em crescimento auxilia muito na criação de oportunidades. O objetivo é receber mão de obra qualificada, visando o desenvolvimento do país.

Candidatos que tenham um bom nível de inglês, relevante experiência profissional e boas referências acadêmicas tem potencial para imigrar para o Canadá.

Já falamos na série Brasileiros no Canadá, aí vou eu, que uma das formas para imigrar é fazendo faculdade no país. Dá uma olhada no post para saber mais! Existe também a possibilidade de mudar para o Canadá estando no Brasil, é um pouco mais difícil, mas não é impossível.

Imigrar para o Canadá com o Express Entry

Santo Express Entry!!! Ele funciona baseado em um sistema de pontos que te coloca em um ranking de candidatos. Aqueles com maior pontuação nas áreas demandadas é convidado a imigrar.

Fatores como sua nota no exame de proficiência gera uma pontuação especifica, sua idade, experiência na área, seus anos de trabalho na mesma empresa entre outras diversas variáveis que influenciam no processo. De forma geral, você tem que mostrar para eles que você é bom no que faz e tem experiência suficiente para trabalhar nas empresas canadenses.

Apenas alguns exemplos para se ter ideia, mas a imigração para o Canadá pode ser feita em todas as idades:

Pontuação por Idade

20 a 29 anos: 100 – 110

32 anos: 85 – 94

39 anos: 50 – 55

43 anos: 15 – 17

45 anos ou mais: 0 – 0

Pontuação por Formação acadêmica

Graduação de 1 ano com diploma ou certificado de uma universidade, escola técnica ou outra instituição pode variar entre 84 e 90 pontos.

Bacharelado ou programa de 3 anos universidade, escola técnica ou outra instituição oscila de 112 a 120.

Mestrado ou graduação profissional que necessita de licença profissional vai de 126 até 135 pontos.

Entre outros tipos de formação acadêmica.

Pontuação por Proficiência no idioma:

Os pontos do IELTS, CELPIP ou TEF são convertidos pelo sistema em pontuações CLB (Canadian Language Benchmark) na seguinte proporção:

CLB 4 ou 5: 6 – 6

CLB 6: 8 – 9

CLB 7: 16 – 17

CLB 8: 22 – 23

CLB 9: 29 – 31

CLB 10 ou mais: 32 – 34

Lembrando que está pontuação é para o primeiro idioma, inglês. Se você for aplicar pelo sistema de Quebec o primeiro será o francês.

Esses são apenas alguns dos quesitos analisados, caso você queira ter uma ideia mais próxima da sua realidade, primeiro faça o teste de elegibilidade para saber se seu perfil se enquadra para imigrar para o Canadá.

Como imigrar para o Canadá então?

A princípio para aplicar não existem taxas, mas haverá custos com documentação. Você vai ter despesas com o teste de proficiência no idioma (inglês ou francês) e com a equivalência do seu diploma acadêmico. A imigração permite que você faça no site uma simulação dos seus pontos. Assim você pode ter uma ideia das suas possibilidades, faça a simulação aqui.

Geralmente candidatos com 450 pontos são convidados para imigrar. Não desanime se você ainda não tiver essa quantidade. Batalhe nos seus pontos fracos, melhore o inglês, busque oportunidades de trabalho no país, corra atrás!

Confira aqui as exigências mínimas para imigrar para o Canadá.

Se você puder fazer um curso de graduação, ou especialização suas chances de mudar para o Canadá aumentam significativamente. Um dos quesitos de pontuação é justamente se você já trabalhou no Canadá, e se já estudou.

Assim é possível aumentar sua pontuação e ter mais chances de imigrar para o Canadá. Caso consiga um emprego e o empregador esteja disposto a continuar com você quando o seu visto tiver encerrado, sua permanência é quase que automática.

Fique com a gente! No próximo post da série Brasileiros no Canadá, aí vou eu, vamos falar de como trabalhar no Canadá.

Até mais!

Curso de inglês no Canadá
Up Next:

Fazer ou não fazer curso de inglês no Canadá?

Fazer ou não fazer curso de inglês no Canadá?